Acesso ao principal conteúdo
Política/França

França:Emmanuel Macron renuncia à sua pensão de presidente

O Pesidente Emmanuel Macron, saindo do Palácio do Eliseu em  Paris.  2019
O Pesidente Emmanuel Macron, saindo do Palácio do Eliseu em Paris. 2019 © Reuters

Com em pano de fundo a greve dos transportes, que enceta o seu décimo nono dia, o "não" dos sindicatos à uma trégua natalícia da greve, o Presidente Emmanuel Macron anuncia que vai renunciar a pensão vitalícia atribuída em França aos antigos chefes de Estado. A pensão, presidencial vitalícia, foi estabelecida por lei em 1955.

Publicidade

Os analistas consideram que perante impasse total das discussões entre o executivo francês e os sindicatos, assim como a greve em curso ,que entrou no seu décimo nono dia, a renúncia de Emmanuel Macron à pensão vitalícia, concedida pelo Estado francês aos antigos presidentes da República, é um gesto puramente simbólico que não vai desbloquear o diálogo de surdos entre o governo e os sindicalistas, sobre a reforma do sistema de pensões.

Com 42 anos de idade e dois ainda por cumprir no âmbito do seu quinquénio, o Presidente Emmanuel Macron não só renuncia à pensão presidencial, como também informou aos seus concidadões que não fará parte do Conselho Constitucional, no qual os chefes de Estado franceses são integrado de pleno direito, auferindo pela função um salário de 13.500 euros, o equivalente de 15.000 dólares.

Esta decisão de Emmanuel Macron foi anunciada no último sábado, com em pano de fundo a actual greve dos transportes e as manifestações contra a reforma do sistema francês de pensões.

Macron receberia pela pensão presidencial vitalícia, estabelecida por lei em 1955, o montante mensal de 6.220 euros brutos, o equivalente de 6.900 doláres, norte-americanos.

De acordo com oomunicado da presidência francesa, um novo sistema, no âmbito do futuro regime universal de pensões proposto pelo governo, será criado para remunerar os ex-presidentes franceses.

Segundo a presidência francesa, é coerente que a lei de 1955 deixe de ser aplicada futuramente aos presidentes de França.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.