Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Os islamitas impõem-se no xadrez político Tunisino

Áudio 05:00
Rached Ghannouchi, líder do partido Tunisino Ennahda, seguro da vitória depois de votar
Rached Ghannouchi, líder do partido Tunisino Ennahda, seguro da vitória depois de votar REUTERS/Jamal Saidi

A chegada do partido islâmico Ennahda em primeiro plano do jogo político da Tunísia na sequência das eleições do passado fim-de-semana, em que os Tunisinos elegeram os seus representantes para elaborar uma nova Constituição, coloca alguns questionamentos quanto à linha a ser doravante seguida pelo país após 23 anos de laicismo com Ben Ali no poder. Ao descrever a natureza política do partido Ennahda, António Dias Farinha, especialista do Islão ligado à Faculdade de Letras de Lisboa, começa por explicar a ascensão dessa formação.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.