Acesso ao principal conteúdo
CABO VERDE

Cabo Verde defende reforço na segurança marítima entre os Estados Unidos e a CEDEAO

Praia na Ilha da Boa Vista, Cabo Verde.
Praia na Ilha da Boa Vista, Cabo Verde. DR

O seminário sobre "Segurança Marítima no Transatlântico", que reuniu na cidade da Praia especialistas da sub-região oeste-africana e dos Estados Unidos, terminou com o ministro da Defesa cabo-verdiano, Jorge Tolentino, a afirmar que os Estados Unidos devem reforçar a segurança marítima entre o país norte-americano e a CEDEAO.

Publicidade

O ministro da Defesa cabo-verdiano, Jorge Tolentino, assumiu a vontade de ver reforçada a segurança marítima entre os Estados Unidos e os países da CEDEAO (Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental), no encerramento do seminário sobre a segurança marítima e o combate ao tráfico de droga.

Enquanto isso o chefe da secção da segurança marítima do Centro Africano de Estudos Estratégicos em Washington, nos Estados Unidos, Assis Malaquias, recomenda a harmonização do quadro legal em todos os países da CEDEAO para que todos saibam que podem contar com o país vizinho.

Mais pormenores com o correspondente da RFI em Cabo Verde, Odair Santos.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.