Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde/Europa

Cabo Verde e União Europeia renovam parceria das pescas

71 navios de pesca europeus, principalmente espanhóis, portugueses e franceses terão acesso às águas cabo-verdianas
71 navios de pesca europeus, principalmente espanhóis, portugueses e franceses terão acesso às águas cabo-verdianas REUTERS/Jon Nazca

A União Europeia e Cabo Verde chegaram esta sexta-feira a um acordo para a renovação do protocolo de parceria para o sector das pescas, com um novo compromisso válido por quatro anos que aumenta as contrapartidas financeiras.

Publicidade

Terminou assim o impasse nas negociações onde, segundo a imprensa cabo-verdiana, o governo exigia receber um milhão de euros durante a vigência do acordo.

O acordo final estipulou uma contrapartida financeira acrescida para os cofres cabo-verdianos pelo acesso dos navios europeus às águas do arquipélago mas esta ficou-se aquém das expectativas do executivo.

Cabo Verde receberá 550 mil euros por ano nos dois primeiros anos de vigência do acordo e 500 mil nos dois anos seguintes em troca da pesca de atum e de outras espécies migratórias nas suas águas.

O acordo precedente contemplava uma contrapartida de 435 mil euros anuais e assim sendo Cabo Verde conseguiu neste novo protocolo mais 360 mil euros do que no anterior no conjunto dos quatro anos.

Mais pormenores com o nosso correspondente em Cabo Verde, Odair Santos.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.