Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Deputado português Ribeiro e Castro e o acordo da Grécia/Europa

Áudio 15:45
O ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis, à direita, com homólogos francês, Michel Sapin, no centro, e o espanhol, Luis de Guindos, à esquerda da foto, a 20 de 20 fevereiro em Bruxelas.
O ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis, à direita, com homólogos francês, Michel Sapin, no centro, e o espanhol, Luis de Guindos, à esquerda da foto, a 20 de 20 fevereiro em Bruxelas. REUTERS/Yves Herman

O nosso Convidado de hoje é José Ribeiro e Castro, deputado do CDS-PP, Vice-Presidente, da Comissão de assuntos europeus, da Assembleia da República, em Portugal.  Analisamos, com Ribeiro e Castro, o acordo assinado, na última sexta-feira, entre a Grécia e o Eurogrupo, instituição dos Ministros europeus das Finanças, acordo, que prevê a extenção do plano de ajuda, à Grécia, por mais quatro meses.  "(...) O acordo, é um factor de tranquilização  e de estabilidade, o que é positivo. A questão, agora, é o futuro, e eu creio, que houve, uma grande evolução, na posição da Grécia, e também, se confirmou, contra os críticos radicais, que a União europeia, não tem posições, de intransigência (...). Palavras do deputado português, CDS-PP,  José Ribeiro e Castro, que analisa ainda, duma maneira geral,  a política europeia, os casos de Portugal, Espanha ou Irlanda.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.