Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Amnistia Internacional: violências policiais e ataques contra a liberdade de expressão nos países lusófonos

Áudio 06:02

A Amnistia Internacional publicou hoje o seu relatório anual, um documento em que aponta o uso abusivo do direito de veto pelos membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU em casos de crimes de guerra, crimes contra a Humanidade e outras violências em larga escala. Neste documento, a Amnistia não deixa igualmente de evocar as exacções cometidas por grupos armados como Boko Haram ou o Estado Islâmico e noutro quadrante, os países lusófonos também são mencionados, havendo relatos de violências policiais e de desrespeito pela liberdade de expressão nomeadamente em Angola e em Moçambique Em entrevista à RFI, Antónia Barradas, perita em relações institucionais e política externa no seio da Amnistia Internacional em Portugal, dá conta destas situações.  

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.