Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Os Jovens Revolucionários e a política em Angola

Áudio 07:12
Didier Peclard, especialista de Angola ligado à Universidade de Genebra, no dia 4 de Março em Paris.
Didier Peclard, especialista de Angola ligado à Universidade de Genebra, no dia 4 de Março em Paris. Liliana Henriques / RFI

No sábado passado, um grupo de jovens que contesta o regime angolano e que tinha previsto uma manifestação em Luanda para reclamar a libertação de activistas de Cabinda presos há cerca de três semanas teve que recuar face ao aparato policial, esta tentativa de manifestação abortada tendo sido marcada por detenções. Nos últimos meses, os jovens revolucionários que vêm sistematicamente as suas iniciativas impedidas de se realizarem têm contudo alcançado alguma visibilidade no debate, estes activistas fazendo um jogo de equilibristas para não serem recuperados por partidos políticos, segundo refere Didier Peclard especialista de Angola ligado à Universidade de Genebra.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.