Acesso ao principal conteúdo
Nigéria

Boko Haram mata dezenas de nigerianos

Soldados nigerianos e a bandeira do grupo terrorista Boko Haram após ter desmantelado a sede deste grupo no Estado de Yobe,
Soldados nigerianos e a bandeira do grupo terrorista Boko Haram após ter desmantelado a sede deste grupo no Estado de Yobe, AFP FOTO/HO/NIGERIAN ARMY

Dezenas de nigerianos perderam a vida afogados num rio e executados quando tentavam fugir de 12 homens armados que integram o antigo grupo jiadista Boko Haram numa localidade remota do nordeste da Nigéria, na quinta-feira passada, dia 13 de Agosto.

Publicidade

A notícia só foi revelada hoje uma vez que o grupo terrorista tinha destruído redes telefónicas da aldeia, localizada a cerca de 50 km de Damaturu, capital do estado de Yobe.

"Homens armados do Boko Haram atacaram a nossa aldeia na quinta-feira o que levou à morte de cerca de 150 pessoas. A maioria das vítimas morreu afogada no rio quando tentava fugir", disse à agência France Presse (AFP) um habitante da aldeia de Kukuwa-Gari, Bukar Tijjani.

Um responsável do governo local confirmou o ataque, mas indicou um balanço de cerca de 50 mortos. O grupo terrorista Boko Haram tem multiplicado os ataques e atentados suicidas nas últimas semanas.

A nova vaga de violência causou pelo menos 900 mortos na Nigéria desde 29 de Maio. Durante este período o grupo extremista realizou igualmente ataques no Níger, Chade e Camarões, países vizinhos da Nigéria.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.