Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Acordo de mediação divide Burkina Faso

Áudio 05:25
Michel Kafando (no centro), rodeado pelos presidentes  Macky Sall e Boni Yayi, este sábado 19 setembre 2015.
Michel Kafando (no centro), rodeado pelos presidentes Macky Sall e Boni Yayi, este sábado 19 setembre 2015. RFI/Guillaume Thibault

Presidente senegalês, Macky Sall, representante da CEDEAO, anunciou ontem um "acordo político" que prevê a amnistia para os golpistas e a participação de candidatos próximos do ex-presidente Blaise Compaoré nas eleições previstas para Novembro. Um projecto que está a ser fortemente criticado pela sociedade civil, mas "inevitável" na opinião do politólogo angolano, Amílcar Xavier.   

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.