Acesso ao principal conteúdo
África do sul/Justiça

Pistorius atleta sul-africano culpado de matar mulher

Oscar Pistorius quando foi condenado a 12 de setembro de 2014 a 5 ans de prisão pôr ter morto a mulher Revaa..
Oscar Pistorius quando foi condenado a 12 de setembro de 2014 a 5 ans de prisão pôr ter morto a mulher Revaa.. REUTERS/Siphiwe Sibeko

Oscar Pistorius, atleta deficiente de alto nível, acaba de ser reconhecido culpado de homícidio intencional, contra a sua mulher, Revaa, em 2013, segundo decisão do Supremo tribunal de recurso da África do sul.

Publicidade

O Supremo tribunal de Recurso da África do sul, corrigiu a sentença de um tribunal de primeira instância, que tinha condenado o atleta Oscar Pistorius, a uma pena de prisão de 5 anos, por ter morto a mulher Revaa, em fevereiro de 2013, propondo uma pena mínima de 15 anos, alegando que houve "homicídio intencional".

O Tribunal de primeira instância tinha condenado, em 2014, Pistorius, a 5 anos de prisão, tendo já cumprido 2 anos, alegando a seu favor, que o homicídio tinha sido involuntário.

Mas com a nova decisão do Tribunal de Recurso, o atleta deficiente de alto  nível, Pistorius, pode, regressar à cadeia, pois, entretanto, após ter cumprido 2 anos da pena, foi posto em liberdade condicional, por bom comportamento.

O Supremo tribunal de recurso da África, teve entretanto, uma outra visão da questão e decidiu pela culpa de Oscar Pistorius, que matou a sua companheira Revaa, de maneira "intencional", quer dizer, um homicídio premeditado.

José Nascimento, advogado de origem portuguesa, na África do sul, disse à RFI que "o Supremo tribunal de recurso reconheceu que Oscar Pistorius, cometeu homícido intencional contra a mulher Revaa, em 2013, podendo apanhar uma pena de 15 a 25 anos, pronunciada pelo tribunal de primeira instância, que em 2014, o havia condenado a 5 anos de prisao, por homicidio involuntário.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.