Acesso ao principal conteúdo
Desportos/Guiné-Conacri

Guiné-Conacri: futebolista Naby Keita volta ao berço

Naby  Keita  com a  camisola da selecção da Guiné-Conacri  em 2015
Naby Keita com a camisola da selecção da Guiné-Conacri em 2015 AFP FOTO / ISSOUF SANOGO

Naby Keita, jovem oriundo da Guiné-Conacri torna-se objecto de umas das transferências mais importantes envolvendo um futebolista africano.Keita de 22 anos, que até data defendia as cores do Leipzig da Alemanha foi transferido para o Liverpool da Inglaterra pelo montante de 52 milhões de euros.

Publicidade

Actualmente na selecção da Guiné-Conacri, Naby keita, tornou-se o orgulho do país e do Coléah, seu bairro, na capital guineense.

Naby Keita que joga nesta quinta-feira pela selecção guineense contra a Líbia , num encontro a contar para as qualificações do Mundial de futebol de 2018, tornou-se uma superstar e um motivo de orgulho nacional para o país da África ocidental.

Uma das razões da sua idolatria pelos seus compatriotas, é a transferência recorde de que ele foi objecto.

Com apenas 22 anos, Keita tornou-se um dos futebolistas africanos mais caros, ao ser transferido do clube alemão Leipzig pela soma de 52 milhões de euros.

De regresso ao pais, onde a Guiné-Conacri, recebe a Líbia, Naby Keita, fez uma curta declaração à RFI, sobre o facto de voltar ao seu torrão natal,Conacri,e mais precisamente ao bairro Coléah

Naby Keita:Desde a minha infância que o meu sonho era jogar na Europa.Sempre quis ser um exemplo para os jovens do meu país. Nunca devemos esquecer o lugar donde nós somos oriundos. Sempre que eu puder ,quando estiver férias , visitarei o meu bairro para cumprimentar os meus amigos, encorajá-los".

Numa altura em que o pais africano marca passo nas qualificações para o Mundial de 2018 na Rússia,Antonio Souaré, presidente da Federação da Guiné-Conacri de Futebol, deposita grandes esperanças na nova geração encarnada por Naby Keita, para redinamizar a modalidade à nível nacional.

Graças ao montante da sua transferência por 52 milhões de euros, Naby Keita entra nas actas do futebol africano.

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.