Acesso ao principal conteúdo
RDC

RDC: Presidente do Senado defende Katumbi

Léon Kengo wa Dongo, presidente do Senado da RDC.
Léon Kengo wa Dongo, presidente do Senado da RDC. Inter-Parliamentary Union CC BY-NC 2.0

Léon Kengo Wa Dondo, presidente do Senado da RDC, a segunda figura institucional do antigo Zaire pronunciou-se sobre a favor de uma candidatura do opositor Moïse Katumbi, impedido de voltar ao seu país natal nas eleições agendadas para 23 de Dezembro.

Publicidade

Em entrevista a Florence Morice, correspondente da RFI em Kinshasa, a segunda figura institucional do antigo Zaire aplaude também a candidatura do antigo vice-presidente Jean-Pierre Bemba, de quem sempre foi próximo.

Segundo Léon Kengo Wa Dondo foi hábil da parte do chefe de Estado cessante propor um outro nome para as presidenciais para, como no passado na Rússia, entre Putin e Medvedev, na expectativa de um regresso de Joseph Kabila ao poder.

Joseph Kabila cumpriu a sua promessa em respeitar a constitução da República democrática do Congo ao não se voltar a candidatar a um novo mandato, por já ter cumprido dois na chefia do Estado.

O seu último mandato acabou por ser prolongado devido ao adiamento das eleições em 2016, estando agora agendadas para 23 de Dezembro do corrente ano de 2018.

Uma decisão do presidente cessante aplaudida, tanto interna como externamente.

A Igreja católica fora muito activa na organização de marchas contra a sua manutenção no poder.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.