Acesso ao principal conteúdo
Moçambique

Assassinado Presidente da comunidade ruandesa em Moçambique

Região em Moçambique que continua em conflito. Agora é um presidente da comunidade ruandesa que é assassinado
Região em Moçambique que continua em conflito. Agora é um presidente da comunidade ruandesa que é assassinado JOHN WESSELS / AFP

O presidente da comunidade ruandesa em Moçambique, foi esta segunda-feira assassinado a tiro na cidade Matola sul de Moçambique. Louis Baziga ex-militar e considerado próximo do regime do Presidente do Ruanda, Paul Kagame, já tinha sido alvo de uma tentativa de assassinato em 2016. A policia moçambicana diz estar já a trabalhar para apurar as circunstâncias e as motivações do crime.

Publicidade

Louis Baziga, ex-militar considerado próximo do regime do Presidente do Ruanda, Paul Kagame, foi esta segunda-feira assassinado a tiro na cidade Matola sul de Moçambique.

Ele viajava num jeep que foi crivado de balas por homens armados, tendo sido morrido no atentado com armas.

Louis Baziga, que era presidente da comunidade ruandesa em Moçambique,  já tinha sido alvo  de uma tentativa de assassinato em 2016.

A policia moçambicana diz estar já a trabalhar para apurar as circunstâncias e as motivações do crime.

A chefe do serviço de Urgência do hospital provincial da Matola, Jéssica Matos,  confirmou o sucedido e o corpo crivado de balas terá provocado a morte imediata do cidadão ruandês.

Eis um extracto da declaração de Jéssica Matos à imprensa para escutar.

"O corpo que chegou aqui no Hospital já chegou sem vida e apresentava múltiplos oríficios por uma arma de fogo".

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.