Acesso ao principal conteúdo
Angola

Mais 7000 desempregados em Angola

Luanda, Angola
Luanda, Angola Miguel Martins

Angola cuja taxa de desemprego ascende aos 40%, tem visto a situação agravar-se nos últimos meses devido à crise económica e financeira com mais 7000 pessoas flageladas pelo desemprego essencialmente nos sectores da construção civil, indústria, comércio e serviços.  

Publicidade

Angola tem enfrentado este ano uma grave crise relacionada com a queda brutal do preço do barril de petróleo, a sua principal fonte de rendimentos, abaixo dos 60 Dólares. Para além do Estado angolano ter revisto o seu Orçamento Geral para valores muito inferiores àqueles que eram utilizados nos anos anteriores, esta situação teve igualmente por efeito de ver diminuir o valor do Kwanza em mais de 37% no último ano face ao Dólar.

É também neste contexto que as companhias petrolíferas instaladas em Angola têm dado conta da possibilidade de abandonar o país face ao cenário da diminuição do preço do barril piorado por custos de produção considerados demasiado importantes pelas mesmas.

Mais pormenores sobre a situação económica de Angola com Avelino Miguel.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.