Acesso ao principal conteúdo
Angola

Angola aumenta tarifas móveis

Angola aumenta tarifas móveis
Angola aumenta tarifas móveis Getty Images/Per-Anders Pettersson

Em Angola o aumento das tarifas móveis está a ser fortemente criticado pelos utentes que dizem que o serviço de telecomunicações angolano é o mais caro de toda a África Subsariana. O executivo de José Eduardo dos Santos alega que a medida visa garantir o melhor serviço e a sustentabilidade do sector em tempo de crise.

Publicidade

Foi durante a 14ª sessão ordinária que José Eduardo dos Santos procedeu à alteração do preço da unidade tarifaria de telecomunicações- UTT- de 7,2 para 10 Kwanzas. Sendo assim, a partir de hoje um cartão de recargas de 125 UTT, que antes custava 900 kwanzas, passa a ser vendido a 1.250 kwanzas, um aumento de 38,88%.

Numa altura em que Angola está a ser confrontada com momento de grandes dificuldades económicas, a população contesta este aumento e refere que os serviços de telecomunicações angolanos são os mais caros de toda a África Subsariana.

A associação de Defesa dos Consumidores que também contesta o aumento,dirigiu uma carta ao Presidente José Eduardo dos Santos solicitando a revisão da medida. A associação afirma que não foi ouvida pelo executivo, antes do aumento da unidade tarifaria, conforme está previsto na lei angolana.

O executivo de José Eduardo dos Santos alega que a medida visa garantir o melhor serviço e a sustentabilidade do sector em tempo de crise.

Correspondência de Avelino Miguel

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.