Acesso ao principal conteúdo
Angola

Angola: Reacções políticas ao discurso do Presidente

João Lourenço, Presidente de Angola.
João Lourenço, Presidente de Angola. Lusa

Partidos politicos saúdam a inédita conferência de imprensa dada ontem pelo Presidente João Lourenço, a primeira em 42 anos de independência do país, mas admitem que poderia ter sido mais esclarecedor sobre questões como a despartidarização do Estado, ou o combate à pobreza e à corrupção.

Publicidade

A primeira conferência de imprensa colectiva do novo Presidente de Angola, João Lourenço, foi considerada como um passo positivo no capítulo da liberdade de imprensa e expressão, por vários extractos da sociedade angolana.

Foi a primeira conferência de imprensa aberta a jornalistas nacionais e estrangeiros concedida por um Presidente angolano, desde da independência do país.

Entretanto, os partidos políticos da oposição, que aprovaram a iniciativa presidencial, referem que Joao Lourenço devia ter sido mais esclarecedor em relação à despartidarizaçao do Estado, ao Programa de Estabilização Económica do seu executivo e às medidas imediatas de combate à pobreza extrema, ao desemprego e à crise no sistema sanitário do país.

Os partidos UNITA,Coligação-CASA CE e Renovação Social defendem igualmente medidas mais concretas no combate à corrupção. Várias personalidades da sociedade civil aprovaram igualmente a abertura informativa do Presidente que marca uma nova era na governação de Angola.

O sindicato dos jornalistas também reagiu considerando limitado o modelo adoptado, com cerca de 20 perguntas seleccionadas minutos antes entre os mais de 150 jornalistas presentes, que não tiveram a ocasião de replicar, nem de aprofundar as questões, mas admitiu também que os profissionais passaram ao lado de questões importantes.

Mais pormenores com o nosso correspondente Avelino Miguel.

Correspondência de Avelino Miguel

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.