Acesso ao principal conteúdo
Ciência

Ébola na República Democrática do Congo

Áudio 11:36
Enfermeira da OMS mostra um frasco de vacina contra o ébola em Mbandaka na RDC neste 21 de Maio.
Enfermeira da OMS mostra um frasco de vacina contra o ébola em Mbandaka na RDC neste 21 de Maio. JUNIOR KANNAH / AFP

Desde há cerca de semana e meia, uma epidemia de ébola afecta o norte da República Democrática do Congo, esta sendo a nova vez, dos surtos que foram registados oficialmente naquele país desde a identificação do vírus em 1976, que a RDC é flagelada por esta febre hemorrágica. Até agora, a epidemia causou 28 mortos, sendo que foram contabilizados mais de 50 casos de contaminação. As autoridades do país juntamente com a OMS e Organizações Não Governamentais como a "Médicos sem Fronteiras" tomaram medidas através designadamente de uma campanha de vacinação, para evitar o alastramento desta doença extremamente contagiosa. Num surto anterior, no período 2014-2015, o ébola matou mais de 11 mil pessoas essencialmente na África do Oeste. Evocamos os cuidados que têm sido tomados perante esta nova epidemia com Hernando Agudelo, representante da OMS em Luanda e com Jaime Nina, especialista do vírus ébola ligado ao Instituto de Higiene e Medicina Tropical em Lisboa.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.