Acesso ao principal conteúdo
Convidado

CPLP em Malabo “depende da vontade política dos estados-membros”

Áudio 06:47
O Presidente da República da Guiné-Equatorial, Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, discursa durante a sessão de abertura Cimeira da CPLP
O Presidente da República da Guiné-Equatorial, Teodoro Obiang Nguema Mbasogo, discursa durante a sessão de abertura Cimeira da CPLP TIAGO PETINGA / LUSA

Isaac Murade Murargy é conselheiro para os assuntos da CPLP do presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang.Ao microfone da RFI, Isaac Murade Murargy, antigo secretário-executivo da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa entre 2012 e 2016, repetiu a posição oficial de Malabo sobre a pena de morte e acredita que em 2020, na cimeira de Angola, a questão da abolição da pena de morte seja um assunto resolvido.O diplomata moçambicano deu-nos conta do avanço na implementação do roteiro de adesão à CPLP e sublinhou uma cimeira da CPLP em Malabo apenas “depende da vontade política dos outros estados-membros”

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.