Acesso ao principal conteúdo
Angola

Angola: aumento populacional de 331% em 50 anos

Em 50 anos Angola registou um aumento populacional de 331%.
Em 50 anos Angola registou um aumento populacional de 331%. AMPE ROGÉRIO/LUSA

A população angolana quase que triplicou em quinze anos. Os dados são do relatório anual sobre o Estado da População Mundial, do Fundo da População das Nações Unidas publicado esta semana.

Publicidade

Angola é o país africano de expressão portuguesa que mais rapidamente cresceu e cuja esperança média de vida mais aumentou. Em 50 anos, a população passou de 6,6 milhões de pessoas para 31,8 milhões em 2019.

Em 50 anos Angola registou um aumento populacional de 331%.

Luekakio Afonso, geo-demógrafo angolano, sublinha que o grande desafio do país nesta matéria é fazer acompanhar o crescimento da população com melhorias sociais e económicas.

O segundo Palop com o crescimento demográfico mais significativo foi Moçambique. A população moçambicana passou de 9 milhões de pessoas em 1969 para mais de 31 milhões em 2019.

A Guiné-Bissau passou dos 0,7 milhões em 1969 para os 2 milhões em 2019. Cabo Verde dos 0,3 em 1969 e 0,6 milhões em 2019. São Tomé e Príncipe passou de 0,1 em 1994 para os 0,2 milhões de habitantes em 2019.

Há 50 anos os países da CPLP (Angola, Brasil, Cabo-Verde, Guiné-Bissau, Guiné-Equatorial, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste) tinham uma população de 119,3 milhões. Menos 172 milhões que actualmente.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.