Acesso ao principal conteúdo
Convidado

Um milhão de pessoas em insegurança alimentar no Sul de Angola

Áudio 19:17
A seca no Sul de angola já causou a morte de mais de 12.000 cabeças de gado
A seca no Sul de angola já causou a morte de mais de 12.000 cabeças de gado AFP PHOTO/ ISSOUF SANOGO

O presidente de Angola João Lourenço visita sexta-feira (3/05) as províncias do Namibe e Cunene que com a da Huíla são sujeitas a graves e cíclicas estiagens, que este ano causaram já a morte de mais de 12 mil cabeças de gado, apesar de até agora, oficialmente, não mortes humanas.O certo é que segundo a Unicef, a ajuda humanitária é insuficiente para atender cerca de 1 milhão pessoas, que necessitam de ajuda alimentar urgente e dos cerca de 10 milhões de dólares necessários para implementar a ajuda humanitária, não recebeu nem 1 dólar.Para nos falar de tudo isto, o nosso convidado é o padre Pio Wakussanga , presidente da "Associação Construindo Comunidades", que denuncia a falta de politicas públicas para mitigar a seca, defende a criação urgente de uma cesta bàsica alimentar para os mais vulneráveis, mas começa por fazer um histórico das secas, nesta região agroecológica árida e semiárida do Sul de Angola.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.