Acesso ao principal conteúdo
Angola

Criminalidade assusta Angola

Luanda, capital angolana.
Luanda, capital angolana. Rodger BOSCH / AFP

Em Angola a crise económica tem-se acompanhado de um recrudescimento da criminalidade violenta. Esta semana quatro pessoas foram abatidas por assaltantes em Luanda.

Publicidade

O aumento da criminalidade violenta nas cidades angolanas com destaque em Luanda, preocupa as autoridades policiais que anunciaram novas medidas para combater os marginais.

Esta semana na cidade de Luanda, já foram mortos a tiro quatro pessoas por assaltantes que furtaram elevadas somas em dinheiro. Segundo a polícia que não revelou a quantia roubada, as vítimas foram atacadas por marginais depois de terem levantado o dinheiro em bancos.

A Província de Luanda regista um elevado índice de criminalidade. Assassinatos, raptos e roubos tornaram-se frequentes nos bairros suburbanos de Luanda, que reclamam mais policiamento para fazer face ao crime.

A crise económica que vive neste momento Angola que já produziu milhares de desempregados e o crescente índice de pobreza da maioria da população, estão associados ao aumento da criminalidade no pais, segundo as organizações de direitos humanos.

Angola vive o quarto ano de recessão económica. As medidas macro-económicas do Executivo do Presidente João Lourenço, ainda estão longe de responder as necessidades sociais básicas da maioria da população angolana.

Mais pormenores com o nosso correspondente, Avelino Miguel.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.