Acesso ao principal conteúdo
CPLP

Contas da CPLP preocupam novo director-geral

O cargo de Director-geral da CPLP foi assumido pelo embaixador são-tomense Armindo de Brito Fernandes, numa cerimónia realizada no dia 10 de Fevereiro de 2020, em Lisboa.
O cargo de Director-geral da CPLP foi assumido pelo embaixador são-tomense Armindo de Brito Fernandes, numa cerimónia realizada no dia 10 de Fevereiro de 2020, em Lisboa. https://www.cplp.org/id-4447.aspx?Action=1&NewsId=8716&M=NewsV2&

O diplomata são-tomense Armindo Brito Fernandes tomou posse na segunda-feira como director-geral da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa para um mandato de três anos. Onovo responsável da CPLP deu conta da sua preocupação com a situação financeira da organização devido a atrasos no pagamento das contribuições dos Estados-membros.

Publicidade

Em entrevista à agência Lusa, o novo director-geral da CPLP, Armindo Brito Fernandes, admitiu que a situação financeira da organização é um dos aspetos que mais o preocupa: "Preocupa, preocupa, porque, obviamente, a CPLP tem que funcionar, o secretariado-executivo tem que funcionar. Há projectos em curso, há diligências e actividades que estão previstas. Em Setembro, teremos a cimeira de chefes de Estado em Luanda e Angola vai presidir a partir de Setembro à CPLP."

Armindo Brito Fernandes disse que vai contactar os embaixadores representantes dos Estados-membros da CPLP para discutir, nomeadamente, as contribuições em atraso por parte de alguns dos países.

Quanto ao atraso do pagamento da quota por parte de São Tomé e Príncipe, antes de tomar posse, o diplomata abordou esse assunto com o primeiro-ministro são-tomense, Jorge Bom Jesus, com o Presidente da República, Evaristo Carvalho, e com o presidente da Assembleia Nacional, Delfim Neves. Armindo Brito Fernandes disse que recebeu a garantia do Governo são-tomense de que as quotas serão pagas em breve.

Armindo Brito Fernandes exercia desde 2013 funções de coordenação e gestão no ministério dos Negócios Estrangeiros, Cooperação e Comunidades de São Tomé e Príncipe, com responsabilidades na área do Fundo Europeu de Desenvolvimento. Também foi embaixador em Angola, encarregado de negócios na Bélgica e chefe da missão diplomática de São Tomé e Príncipe junto da União Europeia.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.