Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde

Dengue volta a ameaçar Cabo Verde

Primeira vacina autorizada contra a dengue no mundo testada no Brasil a partir de 13 de Agosto de 2016.
Primeira vacina autorizada contra a dengue no mundo testada no Brasil a partir de 13 de Agosto de 2016. NOEL CELIS / AFP

 A capital de Cabo Verde registou 35 casos suspeitos de dengue desde Janeiro, os testes analisados no Laboratório do Instituto Pasteur em Dakar têm sido na sua maioria negativos.

Publicidade

Cabo Verde tem registado uma média de dois a três casos suspeitos de dengue por dia, desde o inicio de Janeiro deste ano.

Os casos suspeitos foram registados na cidade da Praia, como adiantou à imprensa o coordenador do Programa de Luta Anti-Vectorial, António Moreira.

Sem avançar números, o coordenador do Programa de Luta Anti-Vectorial disse que a maioria das amostras que tem chegado ao laboratório tem sido negativa.

O vírus da dengue entrou em Cabo Verde em 2009 tendo na altura sido declarada uma epidemia, que causou oito vítimas mortais, sendo que a estirpe actual é a mesma, o que segundo o ministro da saúde Arlindo do Rosário é positivo pois "há já alguma imunidade na população...o quadro clínico é menos grave" do que se fosse uma nova estirpe.

Por outro lado, o Fundo Global vai reduzir o montante disponibilizado a Cabo Verde para o combate ao VIH, tuberculose e paludismo, o que vai obrigar o país a procurar novas fontes de financiamento internas e externas.

Informação avançada pela agência de notícias Inforpress, que cita o secretário executivo da CCS-Sida, Artur Correia, que explicou que até este ano 2017 foram disponibilizados 3 milhões e 600 mil euros para dois anos, montante que irá manter-se, mas que servirá para cobrir o triénio 2018-2020.

O Fundo Global é uma parceria público-privada, criada em 2002 para captar e desembolsar recursos para a prevenção e tratamento do HIV/SIDA, malária e tuberculose, sendo o principal financiador de programas de combate a estas patologias em 150 países.
 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.