Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde

Cabo Verde: PAICV reelege Janira Hopfer Almada

Janira Hopfer Almada, presidente do PAICV
Janira Hopfer Almada, presidente do PAICV DR

Janira Hopfer Almada é candidata única à sua própria sucessão como presidente do PAICV, 34.720 militantes - em Cabo Verde e na diáspora - são chamados a participar na eleição directa do maior partido da oposição.

Publicidade

A actual líder do PAICV Janira Hopffer Almada é a única candidata a sua própria sucessão, com o objectivo de legitimar a liderança do partido que durante 15 anos governou Cabo Verde, mas sofreu duas derrotas eleitorais nas legislativas e autárquicas de 2016.

A sua candidatura foi subscrita por 6.210 militantes, ou seja mais 1.210 do que os que subscreveram a primeira candidatura à presidência do PAICV em 2014.

Janira Hopffer Almada promete reforçar os valores de esquerda, reorganizar as estruturas do PAICV e fazer uma oposição forte.

A liderança de Janira Hopffer Almada tem sido contestada por destacados militantes, que há dois meses apresentaram um ´Manifesto de Militância´ a pedir mais diálogo interno, casos de Júlio Correia, Marisa Morais, Otávio Tavares ou ainda Felisberto Vieira que em 2014 disputou com Janira a liderança do PAICV.

Críticos da líder do PAICV, que Janira Hopffer Almada desafiou para apresentarem candidaturas alternativas, mas não avançaram com o argumento de marcação apressada e inoportuna das eleições diretas e denunciaram alegadas irregularidades. Resta saber qual será a taxa de abstenção.

De salientar que o Congresso do PAICV está agendado para 17,18 e 19 de Fevereiro, enquanto a XI Convenção Nacional do MpD no poder, cujo presidente Ulisses Correia e Silva foi reeleito nas directas de 9 de Janeiro e que terà lugar entre 3 e 4 de fevereiro poderia ditar uma remodelaçao ou reajuste governamental.

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.