Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde

PAICV interpela o Governo sobre transportes aéreos

Avião da TACV, companhia aérea de Cabo Verde, em processo de reestruturação.
Avião da TACV, companhia aérea de Cabo Verde, em processo de reestruturação.

Cabo Verde, o ministro das Finanças acusou o Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição) de estar a criar “ruídos” que podem pôr em causa a conclusão do processo de negociação para a reestruturação dos TACV. Acusações feitas no Parlamento, donde o PAICV, afirma ter saído, sem ter recebido informações sobre a sua interpelação.

Publicidade

A interpelação ao Governo caboverdeano, feita pelo PAICV sobre os transportes aéreos, foi bastante acalorada, entre quarta e esta quinta-feira, com os deputados do PAICV a exigirem do Executivo mais informações sobre negócios da TACV com a Binter Cabo Verde e a Icelandair.

O governo justificou o sigilo do negócio que teve um custo, segundo o ministro da economia e emprego, José Gonçalves.

Depois de acusar o PAICV de estar a criar ruídos que podem pôr em causa a conclusão do processo de negociação para a reestruturação da TACV, o ministro das finanças, Olavo Correia, disse que toda a documentação da reestruturação da companhia aérea nacional será tornada pública através da comissão parlamentar de inquérito em curso.

No fim do debate, no principio da tarde de hoje, o deputado do PAICV, Rui Semedo, disse que a oposição não saiu esclarecida com as respostas do Governo sobre as negócios da TACV.

De Cabo Verde, o nosso correspondente, Odair Santos.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.