Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde

Iluminação do aeródromo do Fogo não convence PAICV

Ilha do Fogo em Cabo Verde à espera da iluminação do seu aeródromo solução de problemas sociais
Ilha do Fogo em Cabo Verde à espera da iluminação do seu aeródromo solução de problemas sociais RFI/Carina Branco

O governo do MpD, no poder, e que localmente, dirige o Fogo, promete cumprir com uma promessa de campanha ou seja a iluminação da pista do aeródromo da ilha do vulcão. O PAICV, na oposição, reconhece que a iluminação do aeródromo servirá o desenvolvimento de Fogo e Brava, mas prefere ver para crer.

Publicidade

Durante a campanha das últimas eleições autárquicas em Cabo Verde, o MpD, movimento para a democracia, conseguiu ganhar pela primeira vez na ilha do Fogo, com base em promessas muitas, como o  alargamento e a iluminação do aeródromo local.

Depois de muitas tergiversações, combatidas por exigências da população da ilha do Vulcão, o governo do MpD, parece querer cumprir com a promessa, anunciando que vai avançar para a iluminação da pista do aeródromo do Fogo.

O Presidente da câmara municipal de S. Filipe, Jorge Nogueira, tem reafirmado, estes dias, em diferentes intervenções, que as suas promessas estão a ser cumpridas, e a decisão do governo de iluminar o aeródromo vai nesse sentido.

Contudo, na oposição, o PAICV, que sempre governou localmente, a ilha do Fogo, prefere ver para crer, porque, segundo o seu antigo presidente da câmara municipal de S. Filipe, Eugénio Veiga, agora vereador, a ilha está bloqueada e não é a iluminação do aeródromo, que reconhece ser importante, que vai resolver os problemas sociais, como a falta de água e o desemprego.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.