Acesso ao principal conteúdo
Mundo

Funaná cabo-verdiano no Milhões de Festa

Festival português Milhões de Festa
Festival português Milhões de Festa Zita Moura

Já arrancou a 11ª edição do festival português Milhões de Festa. Até domingo Barcelos apresenta dezenas de descobertas musicais em quatro recintos diferentes.

Publicidade

A programação deste ano volta a Setembro tal como aconteceu em 2007, no arranque do festival.

O Milhões de Festa regressa às origens este ano e a grande aposta passa por vários artistas "que são importantes para nós e os mais conhecidos acabam por dar o contexto a todos os restantes. São eles Os Squarepusher, Electric Wizard e Os Tubarões", descreve o organizador do festival Joaquim Durães.

A programação deste ano não escapa ao funaná cabo-verdiano com Os Tubarões e Scúru Fichádu.

"Nós enquanto fã de música temos o funaná no topo das nossas preferências seja com Os Tubarões ou os Bulimundo e temos sempre funaná aqui entre as bandas. Ter uma banda histórica e única da música cabo-verdiana é um motivo de muito prazer", aponta Joaquim Durães.

A banda de Cabo Verde, que renasceu em 2015, sobe ao palco do Milhões no domingo, 9 de Setembro. Já Scúru Fitchádu actua esta sexta-feira, 7 de Setembro.

"É muito importante também termos Os Tubarões e Scúru Fitchádu, o novo sangue da música cabo-verdiana, que são o paradigma daquilo que é o Milhões neste cruzamento de linguagens e de sons. Ligar o funaná ao punk cai-nos no goto porque é isso que queremos propor, este cruzamento infindável de géneros e linguagens", conclui o organizador do festival Milhões de Festa.

Joaquim Durães da organização do festival Milhões de Festa

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.