Acesso ao principal conteúdo
Cabo-Verde

Cabo-Verde: Jovens reagem a primeiro-ministro

Presidente da UCID, António Monteiro
Presidente da UCID, António Monteiro RFI/ Odair Santos

O Presidente Federação cabo-verdiana da Juventude mostrou-se satisfeito com o facto de o primeiro -ministro, Ulisses Correia e Silva, centralizar a sua mensagem de Natal nos jovens.

Publicidade

Helmer Fortes diz que a Federação cabo-verdiana da Juventude não poderia esperar outra mensagem do chefe do Governo, mas aguarda que as preocupações da juventude se materializem em soluções.

Nós ficamos sempre contentes e felizes de saber que continuamos a ser uma preocupação do governo de Cabo Verde, e claro que as nossas preocupações têm de se materializar em soluções. É isso que a federação tem reivindicado. Foi um discurso forte no que toca à juventude. Nós queremos mais. A juventude quer sempre mais. Nós exigimos sempre mais”, diz Helmer Fortes

No campo político, as reacções à mensagem de Natal do primeiro-ministro surgiram do lado da oposição. A presidente do PAICV, em entrevista à rádio pública, desvalorizou as medidas anunciadas por Ulisses Correia e Silva para diminuir o desemprego e garantir a empregabilidade dos jovens. Janira Hoppfer Almada disse ainda que o chefe do Governo não está a conseguir gerir o país.

Mais do que saber gerir o país, está a desmantelar toda a boa herança que recebeu”, refere Janira Hoppfer Almada

Já António Monteiro, líder da terceira força política no parlamento cabo-verdiano, a UCID, afirmou que a juventude necessita da atenção do Governo.

É preciso realmente criar as condições económicas para que estes jovens possam ter possibilidade de ter rendimento, criar família e assumir as suas próprias responsabilidades perante a sociedade civil”, adianta António Monteiro.

Oiça aqui a correspondência de Odair Santos:

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.