Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde

Embarcação com quatro corpos à deriva resgatada em Cabo Verde

Praia do Tarrafal, ilha de Santiago
Praia do Tarrafal, ilha de Santiago Liliana Henriques / RFI

A embarcação com quatro pessoas mortas foi encontrada à deriva ao largo da ilha de Santiago, depois dos pescadores terem alertado as autoridades marítimas.

Publicidade

A operação de resgate teve uma duração de mais de oito horas e foi concluída no princípio da noite de terça-feira, no Porto da Praia.

Em declarações à imprensa o capitão dos portos do Sotavento, Manuel Claudino Monteiro disse que embarcação é do tipo utilizada por pescadores ou por migrantes da costa ocidental africana.

Na operação de resgate da embarcação com corpos de três adultos e uma criança, estiveram a polícia marítima, a polícia judiciária, a polícia nacional, os bombeiros e autoridades sanitárias, que apontam a desidratação severa como provável causa da morte.

Em menos de dois meses é o segundo caso de corpos resgatados em embarcações à deriva nas águas do arquipélago.

Em fins de Novembro do ano passado, três cadáveres deram à costa, em avançado estado de decomposição, numa embarcação de boca aberta, nas imediações da ilha do Sal, como nos contam o nosso correspondente em Cabo Verde, Odair Santos.

Correspondência de Cabo Verde, Odair Santos

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.