Acesso ao principal conteúdo
Cabo Verde

Cabo Verde: Educação para todos

Cabo Verde: Educação para todos
Cabo Verde: Educação para todos RFI

O ano lectivo 2019/2020, em Cabo Verde, arranca amanhã, 23 de Setembro, com cerca de 130 mil alunos do pré-escolar ao ensino secundário e perto de cinco mil e seiscentos docentes. No acto central de abertura do novo ano escolar, o primeiro-ministro Ulisses Correia e Silva disse que o Governo está a trabalhar para que ninguém fique para trás.

Publicidade

O novo plano curricular no terceiro e sétimo ano de escolaridade e o alargamento da gratuitidade do ensino para o nono e décimo ano, são algumas da novidades do ano lectivo que arranca amanhã e que tem como lema: “Juntos pela qualidade sem deixar ninguém para trás”.

No acto central de abertura do novo ano lectivo, que aconteceu, no município do Paul, na ilha de Santo Antão, o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva disse que o Governo está a trabalhar para que ninguém fique para trás.

"Em primeiro lugar garantir a educação para todos, gratuitidade do acesso à frequência do ensino básico e ensino secundário, bem como a inclusão de pessoas com deficiência e alunos com necessidades educativas especiais", referiu.

O chefe do executivo fez ainda referência ao investimento na acção social escolar, e acentuou a articulação do Ensino Secundário com a formação profissional. Medidas que conforme observou têm “impactos” na igualdade de oportunidade no acesso à educação, na redução do abandono escolar, no retorno à escola e no aumento do sucesso escolar.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.