Acesso ao principal conteúdo
Saúde/Cabo Verde

Cabo Verde implementa medidas contra Coronavírus

O presidente da UCID, António Monteiro.
O presidente da UCID, António Monteiro. RFI /Odair Santos

O líder da UCID, terceira força partidária no parlamento cabo-verdiano propõe ao governo a utilização de apartamentos do complexo “Casa para Todos”, como espaços de quarentena, no âmbito da prevenção do coronavírus.

Publicidade

O líder da UCID (União Cabo Verdiana Independente e Democrática) propõe ao Governo a utilização de apartamentos do complexo “Casa para Todos” como espaços de quarentena na prevenção do coronavírus.

António Monteiro, sugeriu ao Parlamento, na sexta-feira, dia7, durante o período de questões gerais, que as habitações desocupadas do programa “Casa para Todos” na cidade da Praia e na ilha de São Vicente, servissem de espaços de quarentena para os cidadãos provenientes da China e de outros países com casos de coronavírus.

A proposta foi anotada pelo Governo, mas o secretário de Estado Adjunto do Ministro de Estado, disse que cabe ao Ministério da Saúde avaliar, se os apartamentos do programa “Casa para Todos” devem ou não ser utilizados como espaço de quarentena na prevenção do coronavírus.Ele lembrou que a Constituição do país, não permite internamentos obrigatórios.

Além disso,as Forças Armadas estão a ser preparadas para que, em caso de necessidade, os militares possam actuar, a fim de mitigar a propagação do coronavírus no país.

Neste momento, as autoridades sanitárias de Cabo Verde trabalham na prevenção no arquipélago.

O hospital central de São Vicente já dispõe de uma área reservada, para acolher pacientes com suspeita de coronavírus.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.