Acesso ao principal conteúdo
FRANÇA/FUTEBOL

Neymar já veste a camisola do PSG

Neymar, novo reforço do PSG, cumprimentando o respectivo presidente em Paris a 4 de Agosto de 2018.
Neymar, novo reforço do PSG, cumprimentando o respectivo presidente em Paris a 4 de Agosto de 2018. RFI/Pierre René Worms

Neymar alegou ter tomado a decisão mais difícil da sua vida ao deixar o Barcelona pelo PSG. O craque brasilero foi apresentado à imprensa em Paris pelo seu novo clube.

Publicidade

O avançado brasileiro de 25 anos alegou que pretendia um desafio maior para explicar a sua decisão em deixar o clube catalão.

Uma decisão que supostamente era contrária à posição do pai, que é também o seu agente.

Neymar descartou ter sido o dinheiro a falar mais alto nesta opção, ele que encarnou a transferência mais cara da história do futebol com o Barcelona a arrecadar um cheque de 222 milhões de euros.

O futebolista alegou estar pronto a vestir de imediato a camisola do PSG, se possível já neste sábado, dia em que o clube da capital se estreia nesta temporada do campenato ao defrontar o Amiens.

Neymar agradeceu ainda a Pastore que lhe cedeu a camisola número 10 do PSG, uma camisola que tem provocado furor ao longo do dia nas lojas do clube parisiense.

 O presidente do clube, Nasser Al-Khelaïfi, que gere o Paris Saint Germain desde 2011, assegurou que Neymar valerá o dobro do que aquilo que pagou o clube por "não haver dois Neymar no mundo."

Este realçou que foi o clube que pagou a cláusula de rescisão e não o futebolista, como chegara a ser ventilado.
   

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.