Acesso ao principal conteúdo
Jogos Olímpicos da Juventude

Medalha de ouro para o boxe brasileiro em Cingapura

David da Costa, medalha de ouro no boxe.
David da Costa, medalha de ouro no boxe. Wander Roberto/COB

O Brasil encerra sua participação nos Jogos Olímpicos da Juventude, em Cingapura, com uma medalha de ouro no boxe e uma de bronze no handbol feminino. A de ouro quebra um jejum de 42 anos de medalha olimpica no boxe e David Lourenço da Costa, de 18 anos, se torna o primeiro campeão mundial de boxe amador da história do Brasil.  

Publicidade

O paulista David da Costa bateu o uzbeque Ahmad Mamadjanov, por 7 a 3, na categoria até 69kg. Para chegar até o pódio, David superou o Kyriakos Spanos, do Chipre, depois Nursahat Passiyev, do Turcomenistão. Em seguida, ele venceu o polonês Kamil Gardzielik, o irlandês Christopher Blaney e agora o uzbeque.

David da Costa contou à RFI que começou a lutar aos quatro anos, sempre incentivado pelo pai.

David da Costa, medalha de ouro no boxe.

A outra medalha do dia ficou por conta das meninas do handbol, que bateram o Cazaquistão por 45 a 23, na disputa dos terceiro e quarto lugar. Os destaques do time brasileiro foram Franciele da Rocha, que fez 13 gols, e Juliana Araújo, 11.

O Brasil encerra então sua participação nos jogos com um total de sete medalhas: três de ouro, três de prata e uma de bronze. A festa de encerramento sera amanhã.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.