Acesso ao principal conteúdo
Brasil/Copa

Neymar deixa concentração do Brasil de helicóptero

Neymar, deitado na maca, acena para a imprensa em sua despedida da seleção.
Neymar, deitado na maca, acena para a imprensa em sua despedida da seleção. Foto: Reuters

O atacante Neymar deixou no início da tarde deste sábado (5) a concentração da seleção brasileira em Teresópolis a bordo de um helicóptero com assistência médica especializada. O craque, acompanhado de seu pai, acenou para dezenas de jornalistas que registraram sua despedida da Granja Comary. O presidente da CBF, José Maria Marín, veio participar do adeus ao craque que não jogará mais por ter tido uma fratura da vértebra na região lombar.

Publicidade

Elcio Ramalho, enviado especial a Teresópolis,

A cena que ninguém poderia imaginar aconteceu pouco antes das 14 horas quando o helicóptero decolou com Neymar em direção a São Paulo. O atacante chegou de madrugada à Granja Comary em uma ambulância, separado de outros jogadores.

Imagens divulgadas pelo canal de tevê da CBF mostram Neymar sendo recebido carinhosamente pelos seus companheiros. O atacante foi liberado do local onde a equipe está concentrada e deverá continuar em casa seu tratamento contra a fratura da terceira vértebra da região lombar. Esse tipo de lesão necessita em média entre quatro e seis semanas de recuperação, segundo especialistas.

O presidente da CBF chegou ao local de concentração por volta das 13 horas para também se despedir. O pai de Neymar acompanhou todo o procedimento de transferência do jogador que seguirá direto para sua casa em Guarujá onde será recebido por sua mãe, Nadine.

Uma ambulância levou Neymar do alojamento dos jogadores até a descida ao gramado de um dos campos de treinamento onde estava pousada a aeronave. Apesar de ser liberado para seguir o tratamento em casa, Neymar pode voltar a qualquer momento, se quiser, para se reunir com os jogadores da seleção.

O camisa 10 do Brasil disse adeus à Copa do mundo devido a uma lesão provocada por uma entrada violenta do lateral direito colombiano Zúñiga aos 41 minutos do segundo tempo na partida das quartas de final. O Brasil venceu a Colômbia por 2 a 1 e vai enfrentar a Alemanha na semifinal em Belo Horizonte sem o seu maior ídolo.

Presidente Dilma envia mensagens

Milhões de brasileiros acompanharam essa despedida triste de Neymar de Teresópolis, entre eles a presidente Dilma Rousseff que enviou as seguintes mensagens de estímulo ao jogador através do twitter: 

• Tenho ctz q @NeymarJr estará de volta + rápido do q se imagina p/ encher os brasileiros de alegria. #ForçaNeymar

• Dilma Rousseff ‏@dilmabr 48 min
Tbm desejei força ao querido @NeymarJr, guerreiro q já deixou sua marca na #CopaDasCopas.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.