Acesso ao principal conteúdo
Natação/Doha

Brasil leva prata nos 50 m borboleta no Mundial em Piscina Curta

Nadador brasileiro Nicholas Santos.
Nadador brasileiro Nicholas Santos. CBDA/Satiro Sodré

O nadador brasileiro Nicholas Santos chegou em segundo lugar na final dos 50m borboleta do Mundial em Piscina Curta, disputada neste sábado (6), em Doha. O sul-africano Chad Le Clos levou a medalha de ouro na categoria. O pódio foi completado pelo ucraniano Andrii Govorov. Nos 50 m costas, o francês Florent Manaudou bateu um novo recorde neste sábado e conquistou mais uma medalha de ouro na competição.

Publicidade

Chad Le Clos venceu a prova dos 50m borboleta com o tempo de 21s95. O brasileiro Nicholas Santos fez 22s08 e comemorou o resultado. Ele ressaltou que com a marca bateu o recorde sul-americano. Santos também lembrou que nadou contra o nadador que foi eleito o melhor do mundo.

Com a medalha de prata conquistada por Nicholas Santos, o Brasil soma agora 5 medalhas no Mundial em Piscina Curta de Doha: três de ouro (4x50 m medley, 4x50 m medley misto e 100 m peito), um da prata e uma de bronze (50 m livre).

Novo recorde francês

O nadador francês Florent Manaudou é o campeão do mundo dos 50 m costas. Ele bateu recorde na final da categoria, com o tempo de 22s22. A medalha de prata foi conquistada pelo americano Eugene Godsoe, com 23s05, e a de bronze pelo russo Stanislav Donets, com 23s10.

Esta foi a segunda medalha de ouro e o segundo recorde de Manaudou no Mundial em Piscina Curta de Doha. Na sexta-feira (5), ele venceu os 50 m livre, derrotando o brasileiro Cesar Cielo que ficou em terceiro lugar. O nadador francês visa ainda uma terceira medalha de ouro individual nos 100 m livre.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.