Acesso ao principal conteúdo
Tênis/Austrália

Djokovic vence Wawrinka e disputa final do Aberto da Austrália contra Murray

O sérvio Novak Djokovic comemora sua vitória sobre o suíço Stanislas Wawrinka na semi-final em Melbourne (30/01).
O sérvio Novak Djokovic comemora sua vitória sobre o suíço Stanislas Wawrinka na semi-final em Melbourne (30/01). REUTERS/Issei Kato

O sérvio Novak Djokovic garantiu sua vaga na final do Aberto da Austrália ao vencer nesta sexta-feira (30), em Melbourne, o suíço Stanislas Wawrinka por 3 sets a 2 (parciais de 7/6, 3/6, 6/4, 4/6 e 6/0). Esta será a 15ª final de um Grande Slam para o atual número 1 do mundo.

Publicidade

A disputa no domingo contra Andy Murray será a quinta final de Djokovic em Melbourne, onde ele já faturou quatro troféus (2008, 2012, 2012 e 2013). Os confrontos entre o sérvio e o britânico já se tornaram um clássico do tênis. Os dois tenistas já se enfrentaram 23 vezes, com ampla vantagem para Djokovic que venceu 15 e perdeu oito.

A final será uma oportunidade para Murray "vingar" as derrotas sofridas contra Djokovic em duas finais do Aberto da Austrália: 2011 e 2013.

Enquanto o britânico se classificou na quinta-feira com relativa facilidade ao bater o tcheco Tomaz Berdych por 3 sets a 1 (parciais de 6/7, 6/0, 6/3 e 7/5), o sérvio teve que suar bem mais a camisa para eliminar Wawrinka, que defendia seu título.

Final do feminino

Neste sábado, a americana Serena Williams e a russa Maria Sharapova, respectivamente números 1 e 2 mundiais, disputam o título do torneio feminino na Rod Lover Arena, a quadra central do Aberto da Austrália.
 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.