Acesso ao principal conteúdo
Europa/Futebol

Técnico francês do Arsenal enfrenta ex-clube Mônaco na Liga dos Campeões

Arsène Wenger, técnico do Arsenal
Arsène Wenger, técnico do Arsenal Reuters

Esta quarta-feira é o último dia da primeira rodada das oitavas-de-final da Liga dos Campeões da UEFA. Na Inglaterra, o Mônaco enfrenta o Arsenal. O confronto marca o reencontro do técnico francês do Arsenal, Arsène Wenger, com o Mônaco. Antes de entrar há 18 anos no Arsenal, o treinador ficou sete no time monegasco e, pela primeira vez, vai jogar contra o seu ex-clube. Wenger admitiu em entrevista que não esperava ter um confronto contra o Mônaco, mas que será emocionante reencontrá-los.

Publicidade

O técnico francês assumiu o Mônaco em 1987 e fez seu último jogo em julho de 1994, na derrota por 2 a 0 contra o Nice, pelo Campeonato Francês. No total, foram 147 vitórias, 98 empates e 66 derrotas em 311 jogos, com quatro títulos conquistados: dois na competição nacional (1987 e 1988) e dois na Copa da França (1990 e 1991).

Trajetória de sucesso

Na Inglaterra, Wenger desembarcou em outubro de 1996 e, de lá para cá, construiu uma trajetória de sucesso. O triunfo por 2 a 1 sobre o Crystal Palace, no fim de semana, pelo Campeonato Inglês, foi a 601ª vitória do francês no comando do Arsenal, números complementados por 246 empates e 202 derrotas, totalizando nada menos que 1.049 partidas. Ele levantou 13 taças no comando do clube londrino.

"É uma das mais estranhas coincidências da vida, porque entre os dois clubes contam-se 25 anos da minha vida. Isto é pouco usual, encontrarem-se na Champions League. Foi um pequeno choque emocional", confessou Wenger em entrevista à UEFA.

Atlético Madrid x Bayer Leverkusen

A outra partida da primeira rodada das oitavas-de-final acontece na Alemanha, entre o Atlético Madrid e o Bayer Leverkusen. Na terça-feira o Barcelona venceu o Manchester City por 2 a 1, na Inglaterra, reafirmando o poder do trio de ataque do time catalão, formado por Neymar, Messi e Suarez.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.