Acesso ao principal conteúdo
Futebol/Liga dos Campeões

Barcelona goleia PSG por 3 a 1 e sai na frente por uma vaga na semifinal

Neymar comemora com Messi primeiro gol do Barcelona contra o PSG
Neymar comemora com Messi primeiro gol do Barcelona contra o PSG Reuters / Gonzalo Fuentes

O time do Barcelona mostrou na noite desta quarta- feira (15), em Paris, porque é um dos principais candidatos ao título da Liga dos Campeões da Europa. A equipe deu um show de bola no time parisiense e aplicou uma goleada de 3 a 1, que o deixa com um pé na semifinal na competição.

Publicidade

A estratégia adotada pelo técnico Laurent Blanc, de não tomar gols em casa, não deu certo. E a esperança da torcida parisiense de ver o Paris Saint-Germain jogar de igual para igual com o time catalão durou poucos minutos. Logo no início da partida, o FC Barcelona mostrou a superioridade técnica e o domínio de posse de bola que envolve facilmente o adversário.

Apertando a marcação na saída de bola, o Barça criou logo boas oportunidades, uma delas com Messi, que chutou na trave da entrada da área. O primeiro gol não demorou a sair. Lançado pelo argentino, Neymar abriu o placar aos 18 minutos com um chute cruzado na saída de Sirigu.

O PSG sentiu o golpe e recuou. A equipe parisiense ainda perdeu Thiago Silva, machucado, que cedeu o lugar para a volta de David Luiz. Sem muita criatividade para armar as jogadas de ataque, ele foi quase um espectador do show do time barcelonês, que terminou o primeiro tempo com 66% de posse de bola.

PSG tenta se recuperar no segundo tempo

Os parisienses, precisando tirar a diferença, começaram o segundo tempo ofensivos. O time criou algumas poucas chances mas, sem objetividade nem inspiração de seus atacantes Cavani e Lavezzi, pouco assustou o gol adversário. Quando estava melhor na partida, vieram os golpes de Luis Suárez. Aos 22 minutos, ele aplicou um belo drible em David Luiz e se livrou de outros dois zagueiros antes de fuzilar o goleiro Sirigu.

Nem a entrada de Lucas Moura trouxe criatividade ao ataque. Aos 34 minutos, em nova falha de David Luiz, que perdeu a dividida com Suárez, o uruguaio ficou cara a cara com o goleiro parisiense e não perdeu a chance. O PSG só diminuiu aos 37 minutos do segundo tempo, em um lance de sorte. O lateral van der Wiel chutou de fora da área e Mascherano errou o chute, enganando der Tiersen. A derrota de 3 a 1 deixa o time parisiense com uma missão considerada por muitos como quase impossível: repetir no mínimo três gols contra o Barça no Camp Nou na partida decisiva, na próxima terça-feira (21).
 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.