Acesso ao principal conteúdo
Holanda/Monarquia

Holandeses fazem festa para marcar coroação do novo rei

Holandeses se vestiram de laranja, a cor que simboliza o país, para homenagear a família real.
Holandeses se vestiram de laranja, a cor que simboliza o país, para homenagear a família real. REUTERS/Cris Toala Olivares

Os holandeses já começaram a festejar a coroação do novo rei. Willem-Alexander assumirá o lugar da mãe, a rainha Beatrix, que abdica da coroa após 33 anos de reinado. Um jantar com membros das principais monarquias mundiais foi organizado no Rijksmuseum, um dos mais famosos museus de Amsterdã, na noite dessa segunda-feira, um dia antes da cerimônia oficial. Mais de 20 mil pessoas devem assistir o discurso do novo monarca na manhã dessa terça-feira, 30 de abril.

Publicidade

 

Desde a tarde dessa segunda-feira centenas de pessoas já se reuniam na praça Dam, ponto central das festividades, onde se situa o palácio real e a Nieuwe Kerk (Igreja Nova), e onde o futuro rei fará seu sermão após receber a coroa de sua mãe na manhã dessa terça-feira. Delegações do mundo inteiro estão em Amsterdã para a cerimônia de coroação de Willem-Alexander. O príncipe Charles da Inglaterra e sua mulher Camilla, o príncipe Philippe e a princesa Mathilde da Bélgica e os representantes das famílias reais da Espanha, Jordânia e Japão fazem parte dos convidados.

A assinatura do ato de abdicação da coroa está prevista para as 10h15 do horário local. A partir desse momento a rainha Beatrix passará a ser chamada de princesa e seu filho se tornará o novo rei do país. Ele será o primeiro holandês do sexo masculino a assumir o trono desde 1890.

Após a assinatura do documento o novo monarca fará uma aparição no balcão acompanhado de sua família, onde deve pronunciar um breve discurso. Cerca de 20 mil pessoas são esperadas no centro da cidade para assistir a cerimônia.

Vários eventos serão realizados durante a noite de terça-feira para marcar a coroação. Além dos shows e festas em discotecas, cerca de 50 artistas holandeses vão cantar a “Canção para o rei”, composta especialmente para a ocasião. A música, aliás, chegou a ser criticada por sua letra simplista e a mistura de ritmos populares e rap. Apesar das críticas, espera-se que 17 milhões de holandeses em todo o país entoem a canção.

A família real holandesa desfruta de uma alta taxa de popularidade. Mesmo assim, os poucos opositores à monarquia também devem estar presentes no evento vestindo roupas brancas em forma de protesto contra o sistema.

Mudanças políticas

Beatrix assumiu o trono em 1980 após a abdicação de sua mãe, a rainha Juliana, que reinou durante 31 anos. A coroação de Willem-Alexander é vista como uma nova fase na Holanda, que vem tentado separar cada vez mais a monarquia da vida política. Em 2012 a rainha não designou um mediador para participar da formação da coalizão do governo, um fato inédito. Agora, pela primeira vez na história do país, o novo rei não terá nenhum papel político oficial, mesmo se continuará recebendo o primeiro-ministro em consultas diárias. O novo soberano cultiva uma imagem informal e já disse que prefere não ser chamado de “vossa majestade”.

Willem-Alexander é casado com Maxima Zorrigueta, uma argentina filha de um ex-ministro da Agricultura, que atuou durante o regime militar do general Videla de 1976-1983. O passado do sogro quase impediu o casamento dos novos monarcas. O casal tem três filhos (Catharina-Amalia, Alexia e Ariane).

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.