Acesso ao principal conteúdo
França/Coronavírus

Paris quer reabrir parques e proibir venda de álcool

France's interior minister has outlawed alcohol consumption on canal and river banks in Paris
France's interior minister has outlawed alcohol consumption on canal and river banks in Paris AFP

A presidente da Câmara de Paris, Anne Hidalgo, espera que o uso de máscaras se torne obrigatório e que os parques e jardins sejam reabertos, mas o ministro da Saúde já veio dizer que não concorda com a proposta.

Publicidade

 

A autarca socialista de Paris, Anne Hidalgo, pediu, esta terça-feira, para que o uso de máscaras passe a ser obrigatório em qualquer espaço público, garantindo o cumprimento das regras sanitárias, para que assim seja possível reabrir os parques e os jardins da capital.

A proposta foi recusada pelo ministro da Saúde, Olivier Véran, que reiterou que os únicos parques e jardins que serão reabertos são os que se encontram nas zonas verdes.

Paris está classificado como zona vermelha, de risco, tendo em conta a taxa de população, a elevada propagação do vírus e as condições dos estabelecimentos hospitalares.

A decisão do governo é questionada pelo presidente do distrito de Seine Saint Dennis, o mais populoso da região parisiense, que diz não compreender a reabertura dos bosques de Vincennes e Boulogne, em Paris, e de manter os restantes jardins e parques encerrados.

Entretanto, o ministro do Interior, Christophe Castaner, pediu hoje a proibição da venda de álcool, para evitar aglomerações sociais nos espaços públicos.

O responsável justifica a medida com o comportamento de alguns franceses que aproveitaram o primeiro de liberdade condicionada para passear junto ao rio, formando grupos superiores aos permitidos pela lei do estado de emergência sanitária. Episódios que Christophe Castaner quer evitar a todo o custo.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.