Acesso ao principal conteúdo
França/satélite

Telescópio espacial europeu Gaia é lançado na Guiana Francesa

Um foguete Soyuz foi lançado nesta quinta-feira(19) da Guiana francesa levando a bordo o telescópio europeu Gaia, o 'cartógrafo da galáxia'.
Um foguete Soyuz foi lançado nesta quinta-feira(19) da Guiana francesa levando a bordo o telescópio europeu Gaia, o 'cartógrafo da galáxia'. © ESA - D. Ducros

O telescópio espacial europeu Gaia foi lançado hoje do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa, a bordo da sonda russa Soyouz. Ele deverá passar entre 5 e 6 anos no espaço e permitir a localização precisa de 1 bilhão de estrelas.

Publicidade

O lançamento aconteceu no horário previsto, quando eram 7h12 em Brasília, mas o telescópio só se separou do andar superior da sonda 41 minutos e 59 segundos depois do início do voo.

Chamado pelos cientistas de topógrafo de galáxias, o telescópio Gaia vai realizar um atlas em 3D da Via Láctea, a galáxia onde está situado o Sistema Solar e a Terra. 

O telescópio europeu vai passar entre 5 e 6 anos no espaço e deve permitir a localização precisa de 1 bilhão de estrelas. Cada uma delas vai ser observada cerca de 70 vezes e para dar uma ideia da importância dessa aproximação, 99% das estrelas da Via Láctea nunca tiveram a distância em relação à Terra medida com precisão.

O telescópio será capaz de distinguir um cabelo a 700 quilômetros de distância, graças ao seu plano focal gigantesco de um bilhão de pixels. Em menos de dois anos Gaia vai oferecer o primeiro atlas do céu.

O satélite Gaia foi construído em Toulouse, sudoeste da França, pela empresa Astrium para a Agência Espacial Europeia (ESA).

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.