Acesso ao principal conteúdo
Revista de Imprensa

Discórdia entre políticos franceses sobre atentado de Nice

Áudio 03:18
Primeiras páginas dos jornais franceses de 18 de julho de 2016
Primeiras páginas dos jornais franceses de 18 de julho de 2016 RFI

As primeiras páginas dos jornais franceses estão ainda dominadas por reacções ao atentado de Nice, de 14 de julho e com cerimónias oficiais em homenagem às vitimas, mas também o golpe de estado falhado na Turquia.LE MONDE, destaca Nice: a grande discórdia dos responsáveis políticos ! Os Republicanos criticaram vivamente a falta de firmeza do governo. Em Nice, na famosa Avenida, Promenade des Anglais, houve homenagens às inumeráveis vítimas, com famílias dos mortos à procura de respostas. Apesar de o ataque de 14 de julho ter atingido todas as comunidades, reanimou tensões latentes em Nice, sublinha LE MONDE.Terrorismo: os franceses reclamam mais firmeza, replica LE FIGARO. Uma sondagem feita para este jornal, pelo Instituto, IFOP, indica que 67 por cento das pessoas interrogadas não confiam no executivo para lutar contra o terrorismo.Conscientes da gravidade da ameaça os franceses exigem medidas de uma extrema firmeza, mesmo limitando as liberdades individuais, sublinha LE FIGARO.Em relação ao internacional, LE MONDE, refere-se à Turquia e a hora da grande vassourada. Após o fracasso do golpe, o regime lançou uma vasta repressão, com prisões de militares e magistrados, sublinhando que o presidente, Erdogan saiu reforçado do golpe prometendo sendo duro e implacável contra os golpistas, querendo aliás reinstaurar a pena de morte.Enfim, LA CROIX, sublinha que com o fracasso do golpe, Erdogan, endurece o seu poder.6 mll prisões essencialmente militares e magistrados e receia-se uma repressão severa da oposição, sulinha LA CROIX.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.