Acesso ao principal conteúdo
França

França: Governo com figuras da esquerda, do centro e da direita

Le nouveau Premier ministre Edouard Philippe.
Le nouveau Premier ministre Edouard Philippe. REUTERS/Christophe Archambault

O executivo liderado pelo primeiro-ministro Edouard Philippe tem nomes da esquerda, do centro e da direita. Os ex-ministros de François Hollande, Jean-Yves Le Drian e Annick Girardin, foram nomeados para as pastas da Europa e dos Negócios Estrangeiros e para o Ultramar. Do partido Os Republicanos, além de um primeiro-ministro, foi selecionado Bruno Le Maire para a pasta da Economia. O ecologista Nicolas Hulot passa a ser ministro da Transição Ecológica e Solidária.

Publicidade

 

O presidente francês, Emmanuel Macron, nomeou hoje um governo paritário de 22 membros que reúne personalidades da esquerda, do centro e da direita. Há 18 ministros, incluindo três ministros de Estado, e quatro secretários de Estado. O anúncio dos nomes foi feito pelo secretário-geral do Eliseu, Alexis Kohler, esta tarde.

 

À esquerda, Emmanuel Macron escolheu dois antigos ministros de François Hollande, Jean-Yves Le Drian e Annick Girardin. Jean-Yves Le Drian, ex-ministro da Defesa, passa a ser ministro da Europa e dos Negócios Estrangeiros e Annick Girardin, ex-ministra da Função Pública, passa a ser ministra do Ultramar.

O senador socialista e presidente da câmara de Lyon, Gérard Collomb, foi nomeado para a pasta do Interior, integrando um governo pela primeira vez aos 70 anos.

Ainda à esquerda, o antigo apresentador de televisão ecologista, Nicolas Hulot, vai ser ministro da Transição Ecológica. À terceira foi de vez e, aos 62 anos, Hulot acabou por ceder a Emmanuel Macron depois de ter recusado os convites dos antigos presidentes François Hollande e Jacques Chirac para integrar os seus governos.

Ao centro, o líder do partido Modem, François Bayrou, foi nomeado ministro da Justiça. Marielle de Sarnez fica titular da pasta dos Negócios Europeus e Sylvie Goulard é a nova ministra das Forças Armadas.

À direita, depois de um primeiro-ministro oriundo das fileiras do partido Os Republicanos, outro peso pesado é Bruno Le Maire, nomeado ministro da Economia. Le Maire tem 48 anos, já foi ministro da Agricultura e concorreu às primárias do partido da Direita para as eleições presidenciais mas terminou com um magro resultado de 2,4%.

Também oriundo do partido Os Republicanos, Gérald Darmanin, é o novo ministro da Acção e das Contas Públicas, tem apenas 34 anos e era autarca da cidade de Tourcoing.

Entre os fiéis de Emmanuel Macron, o deputado socialista Richard Ferrand e secretário-geral do movimento A República em Marcha! foi nomeado ministro da Coesão dos Territórios.

 

 

LISTA COMPLETA:

Ministro de Estado, ministro do Interior : Gérard Collomb

Ministro de Estado, ministro da Transição Energética e Solidária: Nicolas Hulot

Ministro de Estado, ministro da Justiça: François Bayrou

Ministra dos Exércitos : Sylvie Goulard

Ministro da Europa e dos Negócios Estrangeiros : Jean-Yves Le Drian

Ministro da Coesão dos Territórios : Richard Ferrand

Ministro das Solidariedades e da Saúde : Agnès Buzyn

Ministra da Culture : Françoise Nyssen

Ministro da Economia : Bruno Le Maire

Ministra do Trabalho : Muriel Pénicaud

Ministro da Educação Nacional : Jean-Michel Blanquer

Ministro da Agricultura e da Alimentação : Jacques Mézard

Ministro da Acção e das Contas Públicas : Gérald Darmanin

Ministro do Ensino Superior, da Pesquisa e da Inovação: Frédérique Vidal

Ministra do Ultramar : Annick Girardin

Ministra do Desporto : Laura Flessel

Ministro encarregue dos Transportes : Elisabeth Borne

Ministra encarregue dos Negócios Europeus: Marielle de Sarnez

 

Secretário de Estado para as Relações com o Parlamento, Porta-Voz do Governo: Christophe Castaner

Secretária de Estado para a Igualdade entre as Mulheres e os Homens : Marlène Schiappa

Secretária de Estado encarregue das Pessoas com Deficiência: Sophie Cluzel

Secretário de Estado do Digital: Mounir Mahjoubi
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.