Acesso ao principal conteúdo
Convidado

França põe fim a dois anos de estado de emergência

Áudio 07:03
Emmanuel Macron (ao centro) durante a assinatura da lei antiterrorismo que vai substituir o estado de emergência, no palácio do Eliseu, 30 de Outubro de 2017.
Emmanuel Macron (ao centro) durante a assinatura da lei antiterrorismo que vai substituir o estado de emergência, no palácio do Eliseu, 30 de Outubro de 2017. REUTERS/Christophe Ena/Pool

A França vive esta quarta-feira o último dia do estado de emergência instaurado após os atentados de 13 de Novembro de 2015 que fizeram 130 mortos. O estado de emergência será substituído pela nova lei antiterrorista que segundo o ministro francês do Interior, Gerárd Collomb, visa garantir a plenitude das liberdades individuais e colectivas. A oposição mais à esquerda e algumas ONG's fazem uma leitura diferente do novo diploma e alertam para o perigo da violação das liberdades individuais. O professor catedrático, Rafael Lucas, admite que o objectivo da nova lei é lutar contra o terrorismo.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.