Acesso ao principal conteúdo
França

Futebol: PSG eliminado da Taça da Liga

O Paris Saint-Germain, com Neymar (na foto), foi eliminado pelo Guingamp por 1-2 nos quartos-de-final da Taçda da Liga francesa.
O Paris Saint-Germain, com Neymar (na foto), foi eliminado pelo Guingamp por 1-2 nos quartos-de-final da Taçda da Liga francesa. REUTERS/Marko Djurica

Surpresa nos quartos-de-final da Taça da Liga francesa de futebol, na quarta-feira 9 de Janeiro, com a eliminação do Paris Saint-Germain frente ao Guingamp por 1-2.

Publicidade

O PSG defrontou a equipa do Guingamp nos quartos-de-final da Taça da Liga francesa, no Parque dos Príncipes e acabou por ser derrotado.

A primeira parte ficou sem golos, no entanto a segunda parte é que ia dar que falar. Aos 61 minutos de jogo, o árbitro assinalou uma primeira grande penalidade para o Guingamp, que Marcus Thuram, filho do antigo futebolista Lilian Thuram, acabou por falhar.

Apenas dois minutos após esse falhanço, os parisienses acabaram por abrir o marcador pelo avançado brasileiro Neymar aos 63 minutos. O PSG abriu o marcador e parecia controlar o encontro.

No entanto o Guingamp não baixou os braços e beneficiou de uma segunda grande penalidade, que o avançado congolês Yeni Ngbakoto não desperdiçou aos 83 minutos.

O empate deixava antever um final com grandes penalidades, visto que na Taça da Liga não há prolongamento depois do tempo regulamentar.

E foi mesmo em cima da hora, aos 90+3 minutos, que o árbitro deu uma terceira grande penalidade ao Guingamp, que desta vez Marcus Thuram não deixou escapar e marcou o segundo tento da equipa da Bretanha.

O Guingamp, que conta na equipa com o defesa português Pedro Rebocho e o avançado franco-senegalês-guineense Alexandre Mendy, acabou por derrotar o Paris Saint-Germain por 1-2, apurando-se para as meias-finais.

Ouça as declarações de Pedro Rebocho no fim do jogo.

Pedro Rebocho, lateral português do Guingamp

Mónaco, Bordéus e Estrasburgo apurados

Nos outros encontros dos quartos-de-final, o Mónaco, que conta com o internacional guineense Pelé, apurou-se ao eliminar o Rennes do internacional moçambicano Mexer por 8-7 nas grandes penalidades após o empate a uma bola no tempo regulamentar. De notar que o único tento dos monegascos foi apontado pelo internacional português Rony Lopes.

Quanto ao Bordéus também se apurou ao eliminar o Le Havre, da segunda divisão, por 1-0, enquanto o Estrasburgo do internacional cabo-verdiano Nuno da Costa, venceu por 1-2 na deslocação ao terreno do Lyon.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.