Acesso ao principal conteúdo
Vaticano/Papa

Jornais analisam significado da canonização de João 23 e João Paulo 2°

Roma se prepara a canonização de João 23 e João Paulo 2°, que acontece neste domingo (27).
Roma se prepara a canonização de João 23 e João Paulo 2°, que acontece neste domingo (27). Reuters

Os jornais franceses dedicam suas manchetes deste sábado (26) à canonização de João Paulo 2° e João 23, que acontece neste domingo em Roma. A cerimônia será acompanhada por 24 chefes de Estado e um milhão de fiéis, além de contar com a provável presença do papa emérito Bento 16.

Publicidade

Para Le Monde, João Paulo 2° e João 23, foram os dois papas que transformaram a Igreja católica. O diário lembra que 24 chefes de Estado e um milhão de fiéis devem assistir à cerimônia em Roma.

"Se a Igreja católica quisesse apresentar um símbolo de continuidade, ela não poderia encontrar uma ocasião melhor", escreve o jornal francês. Isso porque o papa Francisco vai canonizar João Paulo 2° na presença de Bento 16, o pontífice que o precedeu no posto e que sucedeu o papa polonês. Um evento inédito na história da Igreja. A isso deve-se acrescentar a canonização de João 23, "o bom papa", que é frequentemente citado por Francisco como exemplo.

Le Monde explica que o atual pontífice tenta fazer uma síntese esses dois modelos: a igreja aberta para o mundo de João 23, conhecido por sua simplicidade, e a força evangelizadora e missionário de João Paulo 2°. Além disso, diz o jornal, canonizar ao mesmo tempo os dois papas permite limitar o culto à figura do pontífice polonês.

Em seu caderno de economia, o diário informa que a dupla canonização vai custar mais de 7 milhões de euros à cidade de Roma, que já está à beira da falência. Tanto que o prefeito Ignazio Marino pediu que o Estado reembolse as despesas.

Em comparação, a conta do Vaticano ficou bem mais leve. Grande parte das despesas com a organização da cerimônia, estimadas em 500 mil euros, foram cobertas por patrocinadores, como o grupo Benetton ou grandes bancos italianos. Além disso, a Igreja conta com o trabalho gratuito de milhares de voluntários.

Estrela midiática

"O hiperpapa" é a manchete de Libération, que dedica nada menos que sete páginas à dupla canonização. Em seu editorial, o diário afirma que o evento deste domingo revela mais sobre o atual pontífice do que sobre os dois papas que serão canonizados. O jornal progressista diz que sob a aparência simpática de Francisco se esconde "um personagem complexo, sedutor e ótimo estrategista".

Entrevistado por Libération, Philippe Levillain, especialista na história do catolicismo e do papado, afirma que Francisco "promove uma Igreja da pobreza, da comiseração, da compaixão, mas, no plano da doutrina, se mantém fiel à ortodoxia de seus dois predecessores".

"Roma: o encontro dos quatro papas", diz a manchete do conservador Le Figaro. Em seu editorial, o jornal identifica as semelhanças entre João Paulo 2° e Francisco, ou seja, entre "o polonês que há 35 anos fez o Vaticano sair da Itália e o argentino que agora o faz sair da Europa".

Le Figaro diz que os dois homens têm em comum o gosto de surpreender uma época ávida de novidades", e sabem lidar com a mídia para garantir uma imensa popularidade. Mas, ao contrário de estrelas do rock ou políticos, o papa não precisa agradar aos fãs ou se preocupar com a reeleição. Ele se aproveita dessa tribuna midiática para pregar o Evangelho.

La Croix dedica por sua vez 14 páginas à cerimônia deste domingo. "Ao canonizar simultaneamente João 23 e João Paulo 2°, de acordo com o desejo de Bento 16, o papa Francisco confirma o concílio Vaticano 2 como base da igreja. João 23 convocou e abriu o concílio, enquanto João Paulo 2° conduziu sua aplicação até o fim de seu pontificado", analisa o jornal católico.

O concílio Vaticano 2 abriu caminho para a renovação da Igreja e transformou a relação dos católicos com o mundo e com as outras religiões.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.