Acesso ao principal conteúdo
Revista de Imprensa

Presidente de Madagáscar questionado na imprensa francesa

Áudio 04:31
Primeiras páginas dos diários franceses de 29/05/19
Primeiras páginas dos diários franceses de 29/05/19 RFI

O Presidente de Madagáscar garante que não há fatalidades no seu país. A entrevista ocupa a última página do Le Figaro na sua edição de hoje. Andry Rajoelina, de visita oficial a França, responde, em entrevista ao Le Figaro, sobre a situação no seu país onde a pobreza, a corrupção, a falta de equipamentos e a insegurança são as principais preocupações que o jovem chefe de Estado, de 45 anos, tem pela frente. 

Publicidade

Nesta entrevista de Rajoelina, ao Le Figaro, fica-se a saber também que 80 por cento das crianças de Masdagáscar, em idade escolar, não sabem ler nem escrever.

O Le monde, por seu turno, puxa, à primeira página, o Sudão, onde a Al-Qaeda é o "umbigo" da revolução.

Segundo o jornal, os jovens sudaneses montaram as sua tendas num terreno vazio em Cartum. E quando a noite cai, sonham em voz alta com a democracia. Desde 6 de abril, são milhares de sudaneses que se reúnem, em frente, ao quartel general das Forças Armadas, para mudar o país.

A nível internacional, os jornais franceses centram também atenções na União Europeia, após as eleições da última semana. O Le Figaro titula que é "a batalha das nomeações".

O Le Monde escreve também sobre a "batalha" de Bruxelas, acrescentando que  o Presidente francês não hesitou em avançar com um "braço de ferro" com Angela Merkel, a chanceler alemã, sobre a escolha do próximo presidente da  Comissão Europeia.

 

 

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.