Acesso ao principal conteúdo
COP25

COP25: Guterres pede “entendimento comum”

A COP25 decorre até ao dia 13 de Dezembro em Madrid.
A COP25 decorre até ao dia 13 de Dezembro em Madrid. ®REUTERS/Susana Vera

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, pediu “a todas as partes a ultrapassarem as suas actuais divisões e a encontrarem um entendimento comum” para lutar contra as alterações climáticas.

Publicidade

Arrancou esta segunda-feira, em Madrid a Conferência das Nações Unidas sobre o Clima, COP25. Os 196 países reunidos na capital espanhola devem tomar decisões para acelerar a luta contra a crise climática, num momento em que os fenómenos meteorológicos extremos se multiplicam.

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, pediu “a todas as partes a ultrapassarem as suas actuais divisões e a encontrarem um entendimento comum” para lutar contra as alterações climáticas.

Quem também participou na COP25 foi o primeiro-ministro da Guiné-Bissau. Aristides Gomes salientou o plano nacional de investimento para a energia sustentável e começou por lembrar a vulnerabilidade da Guiné-Bissau.

Aristides Gomes marcou presença numa mesa redonda sobre os planos nacionais para aumentar a ambição das metas de combate ao aquecimento global do planeta.

António Costa, o primeiro-ministro Portugal, por seu lado anunciou a realização em Junho do próximo ano de uma conferência mundial, coorganizada com o Quénia, sobre oceanos e sublinhou que em 2020 Lisboa vai ser a capital verde da Europa.

selfpromo.newsletter.titleselfpromo.newsletter.text

selfpromo.app.text

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.