Acesso ao principal conteúdo
Guiné-Bissau

CNE confirma vitória de Sissoco Embaló

Umaro Sissoco Embaló confirmado presidente da Guiné-Bissau pela CNE.
Umaro Sissoco Embaló confirmado presidente da Guiné-Bissau pela CNE. Neidy Ribeiro/RFI

A Comissão Nacional de Eleições da Guiné-Bissau divulgou, esta sexta-feira, os resultados definitivos da segunda volta das eleições presidenciais e confirmou a vitória do candidato do MADEM-G15, Umaro Sissoko Embaló.

Publicidade

Segundo o edital público da CNE, Umaro Sissoco Embaló é o novo Presidente da Guiné-Bissau, tendo obtido 293.359 votos expressos, o que corresponde a 53,55%. Domingos Simões Pereira obteve 554.468 votos, o que corresponde a 46,45%.

Os resultados definitivos foram agora divulgados pela CNE enquanto decorre no Supremo Tribunal de Justiça um recurso apresentado pelo candidato Domingos Simões Pereira do Partido Africano para a Independência da Guiné e Cabo Verde, a contestar os resultados e a pedir uma recontagem dos votos.

Em reacção à publicação dos resultados definitivos das eleições presidenciais, o advogado Carlos Pinto Pereira, que representa Domingos Simões Pereira, em declarações à agência Lusa diz tratar-se de “uma tentativa de desautorização e de desrespeito” do Supremo Tribunal de Justiça.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Faça o download da aplicação

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.