Acesso ao principal conteúdo
Guiné-Bissau

Covid-19: Dois casos confirmados na Guiné-Bissau

Bissau, capital guineense. Imagem de Ilustração.
Bissau, capital guineense. Imagem de Ilustração. © AFP - EMILIE IOB

Os dois infectados são um cidadão indiano, homem de negócio residente em Bissau, e um cidadão da República Democrática do Congo, funcionário das Nações Unidas.

Publicidade

Há ainda um terceiro caso suspeito, um cidadão da Guiné-Bissau, estudante no Senegal regressado ao país recentemente.

Os testes laboratoriais sobre a situação do estudante no Senegal estão a decorrer, talvez até sexta-feira os resultados serão conhecidos.

O cidadão indiano está na sua residência sob vigilância médica e o congolês está nas instalações das Nações Unidas. Ambos deverão ser transferidos para o hospital Simão Mendes, o mais tardar, até sexta-feira.

O centro de isolamento e tratamento de doentes com o Covid-19 no hospital Simão Mendes está a ser ultimado pela engenheira militar.

O anúncio feito pelas autoridades em como há dois casos confirmados de infecção com o Covid-19 parece estar, finalmente, a meter medo aos guineenses.

Pelo menos já se vê alguma preocupação no rosto e nas palavras dos guineenses.

A circulação dos transportes públicos está bastante reduzida, fala-se que as autoridades poderão decretar o Estado de emergência. Umaro Sissoco Embaló convocou uma reunião do conselho de Estado para esta quarta-feira.

Mais pormenores com o nosso correspondente, Mussá Baldé.

Correspondência de Bissau 25/3/2020

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.